Assessor de imprensa digital?

Mais de 100 milhões de brasileiros acessam a internet, segundo a 11ª edição da pesquisa do TIC Domicílios 2015, divulgada no final do ano passado. O levantamento destacou ainda que 56% da população brasileira conectam-se a web pelo telefone celular.

Isso deixa claro que, quer você trabalhe a sua marca ou a de uma empresa, é fundamental reservar boa parte da sua estratégia de marketing para as mídias digitais.

Nelas, as informações surgem cada vez mais rápido, através de comentários, compartilhamentos, críticas e reclamações. Além disso, qualquer pessoa com um celular na mão se tornou um repórter em potencial, podendo mostrar maravilhas, ou não, sobre o seu produto ou serviço

Cabe à assessoria de imprensa estar atenta no que é dito sobre sua empresa nas mídias digitais, e responder rapidamente. Além de monitorar internamente temas na empresa que podem gerar uma crise, e que podem vazar até por um funcionário nas redes.

As informações divulgadas pela assessoria de imprensa devem ser transparentes e objetivas. Se o assunto é negativo esclareça rapidamente o ocorrido, ressaltando todas as medidas que foram tomadas para dirimir o problema.

Respeite sempre o cliente, não aceite provocações e nunca seja arrogante. Lembre-se que sua empresa tem a honra de prestar serviço ou oferecer produtos a ele, que tem centenas de opções para escolher. Interaja com ele, não dê respostas automáticas, já prontas. Faça ele sentir que você está genuinamente dando atenção a ele naquele momento.

Caso Itambé

Há dois casos recentes bastante emblemáticos. Um dos deles foi o da Itambé (matéria do Meio & mensagem). Uma criança morreu após consumir um produto da marca, mas a polícia descobriu que houve envenenamento, inocentando a empresa.

Segundo a reportagem do site, foram mais de 700 matérias publicadas e quase 25 milhões de pessoas impactadas com os conteúdos divulgados. O comunicado final da empresa feito pelo presidente teve mais de 40 mil compartilhamentos, ainda de acordo com o artigo.

Isso deixa muito claro o nível de engajamento que a Itambé tem nas redes sociais. E o papel de destaque que os consumidores dispõem, para o bem ou para o mal.

E a importância da assessoria de imprensa, que deve soltar rapidamente um comunicado e responder a todas as demandas dos jornalistas, esclarecendo os fatos.

Caso Catuaba Selvagem

Outro caso muito bem ressaltado pela Laíze Damasceno foi a Catuaba Selvagem, que teve um vídeo divulgado por um jovem consumidor num supermercado ao suspeitar da presença de larvas na garrafa.

A empresa logo esclareceu o tema, informando tratar-se de resíduos. Divulgou um vídeo nas redes sociais com um funcionário explicando o processo de fabricação, e ainda convidou o rapaz a conhecer a empresa, gerando ciúme de muitos jovens, que receberam uma resposta, engraçada, informal, totalmente adequada ao público consumidor.

Analisando bem, não há assim tanta diferença entre a assessoria de imprensa off-line e a das redes sociais. Você sempre tem que ser rápido, transparente e esclarecedor. Sem se esquecer de usar a linguagem adequada ao público em questão.

Também não deixe nenhuma demanda, comentário ou crítica sem resposta. Lembrando que você é um dos guardiões da imagem da empresa, através das informações, publicações, divulgações e interações que faz sobre ela.

Gostou desse artigo? Qual sua opinião? Compartilhe!

Autora: Giane Gatti.
Sou jornalista, assessora de comunicação e minha missão é gerar conteúdo relevante para informar e incentivar as pessoas a refletirem. Além de gostar muito de escrever, amo U2 e Sting, sou vegetariana, praticante de meditação Raja Yoga e meu entendimento é de que temos uma enorme responsabilidade em tornamos esse mundo um lugar mais humano e amoroso.

 

Sobre o autor Veja todos os posts

Giane Gatti

Sou jornalista, assessora de comunicação e minha missão é gerar conteúdo relevante para informar e incentivar as pessoas a refletirem. Além de gostar muito de escrever, amo U2 e Sting, sou vegetariana, praticante de meditação Raja Yoga e meu entendimento é de que temos uma enorme responsabilidade em tornamos esse mundo um lugar mais humano e amoroso.

Deixe uma resposta