Saiba como envolver nas redes sociais

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Hoje, as redes sociais estão inseridas na vida de quase todo mundo e cada vez mais as pessoas associam a marca à alguma ação na internet. Com isso, as  empresas vêm se preparando cada vez mais para se expor na rede, até para preservar a imagem que criaram junto ao consumidor. Mas, por outro lado, aproveitam essa nova forma de divulgação para conseguir  interações mais genuínas com seus seguidores.

Gabriel Leite “Esse envolvimento se torna mais explícito a partir do momento que cresce o número de interações, alcance das publicações e citações positivas, de forma espontânea. É uma fusão crescente do quantitativo com o qualitativo”, afirma o diretor da agência Mentes Digitais, Gabriel Leite.

Com tantas redes sociais e com públicos distintos em cada uma delas, fica difícil para a empresa direcionar seu foco. Por exemplo, o Instagram é mais de cunho pessoal, o Linkedin mais profissional, enquanto o Facebook (maior rede online do mundo) engaja as duas formas.

“Naturalmente o Facebook domina, mas é importante analisar e não investir todos os esforços em apenas uma rede social, afinal amanhã tudo pode mudar, como mudou no próprio Facebook”, analisa Leite.

Gabriel também destaca que para ter sucesso, é necessário primeiro entender que o Facebook não é uma plataforma de venda e sim de relacionamento e entretenimento. A marca deve adotar uma postura em que possa ganhar a atenção do usuário e, se for o caso, direcioná-lo para o seu e-commerce, por exemplo.

“O que aconselho é trabalhar 80% das postagens e ações com base nos valores conceituais da marca e 20% com foco no produto/serviço, mantendo em ambas a postura criativa e informal da internet”, finaliza  o especialista em Marketing Digital.

Sobre o entrevistado: Gabriel Leite é professor, publicitário, pós-graduado em Marketing Digital, fundador e diretor criativo da agência Mentes Digitais e do Social Brunch, plataforma de conexão entre blogueiros e empresas. Realiza palestras, cursos e aulas sobre comunicação digital, marketing digital e mídias sociais em diversos eventos, empresas e universidades do país como ESPM/SP, ADVB/SC, Google Business Event, Feira do Empreendedor Sebrae e Campus Party. Escreveu o prefácio do livro “A Revolução das Mídias Sociais”, fez parte do e-book “Comunicação e Marketing Digitais”, colaborou com o livro “Etiqueta 3.0” e integrou a coordenação de mídias sociais da campanha eleitoral para prefeitura do Rio de Janeiro.

Comments

comments